FIP publica manual sobre doenças transmitidas por vetores 191

A Federação Internacional Farmacêutica (FIP) publicou um manual, denominado por “Doenças transmitidas por vetores: um manual para farmacêuticos”, com o intuito de para apoiar os farmacêuticos na prevenção, controlo, gestão e tratamento de doenças transmitidas por vetores.

Este manual surge agora, pois algumas destas doenças, como a malária e o dengue, que antes estavam confinadas a áreas tropicais e subtropicais, espalham-se muito mais agora por novas regiões do mundo devido às mudanças climáticas, ao aumento das viagens e migrações, trocas comerciais globais, desflorestação, urbanização não planeada, entre outros.

O novo manual foi produzido em colaboração com o Fórum Farmacêutico das Américas e oferece uma visão geral das doenças transmitidas por vetores e as ações a desenvolver pelos farmacêuticos. Entre essas áreas destacam-se a educação sobre métodos de prevenção; conselhos sobre o uso de repelentes; Composição de repelentes de mosquitos; Melhoria da cobertura vacinal; Otimização da adesão à terapêutica; e redução do estigma social.

As doenças transmitidas por vetores são responsáveis por quase um quinto de todas as doenças infeciosas e causam mais de 700 mil mortes todos os anos.

Envie este conteúdo a outra pessoa