TEVA doa 50 mil comprimidos de hidroxicloroquina ao Ministério da Saúde 1184

A TEVA Portugal anunciou a doação de 50 mil comprimidos de hidroxicloroquina ao Ministério da Saúde, para apoio no combate à pandemia da covid-19.

“O sulfato de hidroxicloroquina é aprovada no tratamento da malária, lúpus eritematoso e artrite reumatóide, sendo a que eficácia contra o SARS-CoV-2, a causa do coronavírus, está atualmente a ser alvo de investigação”, indica a nota divulgada.

Apesar deste medicamento não ser comercializado em Portugal pela TEVA, a farmacêutica foram importou o produto de outro mercado UE, para assim dar resposta à procura urgente do medicamento, e para que seja alvo de testes relacionados com o tratamento da covid-19.

O sulfato de hidroxicloroquina está aprovado para o tratamento da malária, lúpus eritematoso e artrite reumatóide. Embora o medicamento ainda não esteja aprovado para uso no tratamento da covid-19, a sua eficácia contra o SARS-CoV-2, a causa do coronavírus, está atualmente a ser alvo de investigação.

Envie este conteúdo a outra pessoa