Novo medicamento de emergência para alergias agudas chega às farmácias 445

Novo medicamento de emergência para alergias agudas chega às farmácias

29 de Junho de 2015

As farmácias portuguesas vão disponibilizar, a partir do dia 1 de julho, um novo medicamento de emergência para as reações alérgicas agudas que pode ser administrado pelo próprio doente, anunciou o INFARMED em comunicado.

 

O novo medicamento é o Epipen, nas dosagens de 150 e de 300 microgramas, numa solução injetável em seringa pré-cheia. Este medicamento deve ser usado como dispositivo de emergência para auto-administração de epinefrina (adrenalina), por pessoas sem formação médica nem treino de enfermagem, em situações cujo atendimento médico imediato não esteja disponível, de forma a evitar situações de risco de vida por choque anafiláctico. 

 

O medicamento deve ser utilizado ao primeiro sinal indicativo de choque anafiláctico, o qual pode ocorrer de segundos a minutos, após a picada ou mordedura do insecto ou outra exposição a alergenos, normalmente antes de se desenvolver uma reacção local (vermelhidão da pele). Os sinais típicos de aviso são comichão e sensação de calor em cima e por baixo da língua, na garganta e especialmente nas palmas das mãos e plantas dos pés.

 

Trata-se de um medicamento sujeito a receita médica e que não dispensa o acompanhamento clínico

WordPress Ads

Envie este conteúdo a outra pessoa