Medicamento com Sulfametoxazol + Trimetoprim com rutura até 2023 408

O Infarmed anunciou esta quarta-feira, dia 17 de agosto, a rutura do medicamento contendo Sulfametoxazol + Trimetoprim até abril de 2023.

Em comunicado, a autoridade do medicamento informa que “na sequência da rutura do medicamento contendo Sulfametoxazol + Trimetoprim, solução injetável, 400 mg/5 ml + 80 mg/5 ml, e por forma a racionalizar as embalagens existentes, recomenda-se que este medicamento apenas seja utilizado nos casos em que não seja possível a sua substituição pela via oral ou por outros antibióticos”.

A empresa responsável pela comercialização deste medicamento, Teva Pharma, está a “realizar uma distribuição controlada das embalagens disponíveis, privilegiando o fornecimento hospitalar nas situações críticas”, continua o Infarmed. Prevê-se que a rutura “se mantenha até abril de 2023, encontrando-se a empresa a desenvolver esforços no sentido de antecipar esta data de reposição”.

Para garantir o acesso do medicamento aos doentes que não disponham de alternativas, “é essencial que as entidades façam também uma gestão criteriosa dos stocks disponíveis”. O Infarmed encontra-se a averiguar, junto de outras empresas, “o eventual interesse na comercialização deste medicamento, com o intuito de mitigar a situação de rutura”.

Aceda aqui à circular informativa.

WordPress Ads

Envie este conteúdo a outra pessoa