LEO Pharma planta mais de 11 mil árvores de fruto em prol da sustentabilidade 363

A LEO Pharma, empresa farmacêutica de Dermatologia médica, através da sua iniciativa de responsabilidade social e corporativa, Trees for New Employees, já plantou 11.640 árvores, das quais 6.930 no Gana e 4.710 na Dinamarca, país que acolhe a sede da LEO Pharma.

A iniciativa, que teve início em 2020, “pretende dar as boas-vindas aos novos colaboradores, através da plantação de dez árvores por cada novo colaborador que integre a empresa em qualquer país do mundo. Desde o começo da iniciativa, a LEO Pharma Portugal já contribuiu para a plantação de 20 árvores”, destaca a empresa em comunicado.

De acordo com Nuno Brás, Diretor Geral da LEO Pharma Ibéria, “esta iniciativa integra a aposta estratégica na sustentabilidade levada a cabo pela LEO Pharma em todo o mundo. A LEO Pharma está totalmente comprometida com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, e estamos empenhados em contribuir para o desenvolvimento das comunidades locais enquanto limitamos o impacto das alterações climáticas”.

A plantação de árvores no Gana conta com o apoio da associação Growing Trees Network, que garante a colaboração com as aldeias e as comunidades locais. As árvores plantadas são de fruto o que, “além de possibilitar a reflorestação de determinadas áreas geográficas, estimula o compromisso das comunidades locais com o tratamento e manutenção das árvores e a apanha da fruta, dando-lhes também a possibilidade de vender os excedentes e usufruir de uma fonte de rendimento adicional”.

Envie este conteúdo a outra pessoa