Hepatite C: INFARMED revê critérios de acesso a fármacos inovadores 0 86

Hepatite C: INFARMED revê critérios de acesso a fármacos inovadores

05 de Fevereiro de 2015

O INFARMED anunciou que vai rever os critérios que estabelecem quais os doentes que podem ser tratados com terapêuticas inovadoras para a hepatite C. Atualmente, os pacientes considerados prioritários são os que estão em risco de vida.

A Autoridade Nacional do Medicamento revelou à “Renascença” que este assunto deverá ser tratado com a maior brevidade possível e que vai promover uma reunião com os peritos da Comissão Nacional de Farmácia e Terapêutica, responsável por elaborar protocolos de utilização de medicamentos.

Ontem, o ministro da Saúde reconheceu, no Parlamento, a necessidade de alargar os critérios para mais doentes terem acesso aos tratamentos inovadores contra a hepatite C e não apenas os que estão em risco de vida.

Estas declarações surgiram durante a sessão de esclarecimento sobre a situação nas urgências hospitalares, que no entanto também ficou marcada pela questão do acesso aos medicamentos inovadores para a hepatite C, depois da morte de uma mulher de 51 anos que esperava pelo medicamento Sofosbuvir, que tem uma taxa de sucesso elevado.

Envie este conteúdo a outra pessoa