Gripe: Portugal manteve baixa intensidade 0 174

Segundo o Boletim de Vigilância Epidemiológica divulgado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), a gripe em Portugal manteve-se com baixa intensidade e com tendência decrescente.

Entre 10 e 16 de fevereiro, a Rede Portuguesa de Laboratórios para o Diagnóstico da Gripe observou 40.291 pessoas, e detetou o vírus da gripe tipo B em 211 casos e do tipo A em 67.

A taxa de incidência da síndrome gripal foi de 19,87 por cada 100 mil habitantes.

O valor médio da temperatura mínima do ar foi de 7,69ºC, cerca de 2,12ºC superior aos valores normais para o mês de fevereiro.

Na União Europeia, a atividade gripal manteve-se de igual a Portugal, com com baixa intensidade e com tendência decrescente.

Envie este conteúdo a outra pessoa