Covid-19: sete farmácias foram encerradas, cinco já reabriram 1275

De acordo com informação divulgada pela Associação Nacional das Farmácias (ANF) são duas as farmácias que se encontram encerradas, “devido a casos de infecção por Covid-19 nas suas equipas”.

Segundo a ANF, “no dia 23 de Março fechou uma farmácia em Vila Nova de Gaia e no dia seguinte outra no distrito de Bragança”.

“Ao todo, a epidemia já levou ao encerramento de sete farmácias. Cinco já reabriram, após exames realizados a toda a equipa”, indica a ANF em comunicado divulgado.

Esta situação deve-se, e segundo Nuno Flora, secretário-geral da Associação Nacional das Farmácias porque “os farmacêuticos comunitários e as suas equipas estão na primeira linha de combate ao vírus e atendem muitos casos suspeitos, porque grande parte da população está habituada a resolver as suas dúvidas e afecções respiratórias nas farmácias”.

Para além disso, muitos farmacêuticos estão a trabalhar com escassez de material, o que dificulta a situação.

“As equipas das farmácias estão a trabalhar em condições especialmente difíceis, com escassez de máscaras, desinfectantes e outros equipamentos de protecção, o que deve merecer o reconhecimento e respeito de todos”, explica o secretário-geral da ANF.

Envie este conteúdo a outra pessoa