Comissão Europeia aprova novo tratamento para insuficiência cardíaca crónica 0 74

Comissão Europeia aprova novo tratamento para insuficiência cardíaca crónica

01 de Dezembro de 2015

A Comissão Europeia aprovou o medicamento sacubitril/valsartan da Novartis para o tratamento de doentes adultos com insuficiência cardíaca crónica, sintomática e com fração de ejeção reduzida. O novo medicamento tem um mecanismo de ação único que reduz a sobrecarga no coração em falência.

Esta aprovação baseia-se nos resultados do estudo PARADIGM-HF, que envolveu 8.442 doentes com insuficiência cardíaca, e que foi interrompido precocemente quando se demonstrou que o novo medicamento (sacubitril/valsartan) reduz significativamente o risco de morte cardiovascular, comparado com o inibidor enalapril. A análise dos dados de segurança mostrou que este novo medicamento tem um perfil de tolerabilidade semelhante ao enalapril.

«Sabemos que as pessoas que vivem com insuficiência cardíaca apresentam um risco elevado de morte e têm pior qualidade de vida do que aquelas que têm qualquer outra doença crónica. Por isso, é muito significativo para estes doentes que a disponibilização de uma nova classe de tratamento», disse, em comunicado, David Epstein, CEO da Novartis Pharmaceuticals.

«Esta nova opção terapêutica vem assim  abalar, pela primeira vez nas últimas três décadas, o  paradigma, há muito instituído, do tratamento da IC crónica ao substituir com vantagens o IECA (terapêutica de 1ª linha utilizada atualmente) no tratamento da síndrome», comentou a professora Cândida Fonseca, diretora da Unidade de Insuficiência Cardíaca do Hospital São Francisco Xavier e coordenadora do grupo de Estudos de Insuficiência Cardíaca da Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

Envie este conteúdo a outra pessoa