Ciclum Farma agora é STADA Portugal 112

A Ciclum Farma assume uma nova designação no território nacional: STADA Portugal. A mudança surge com a evolução recente do grupo a nível mundial, refletindo-se também num novo posicionamento no mercado Português.

“Neste mês de outubro de 2020, concretizamos uma etapa importante na evolução da Ciclum Farma ao converter-se na STADA Portugal, refletindo o crescimento do negócio e atividade, a significativa expansão do portfólio e o lançamento da nova estratégia e posicionamento para o futuro da empresa no nosso País”, destaca Tiago Baleizão, o Diretor Geral da STADA Portugal.

A aquisição da Ciclum Farma pelo grupo STADA aconteceu em 2005, numa altura em que a empresa estava dedicada maioritariamente à comercialização de medicamentos genéricos. Todo processo de rebranding assume agora um papel crucial nesta nova etapa do grupo alemão em Portugal, que se encontra entre as empresas com maior crescimento na Europa, com uma grande aposta adicional no mercado do Consumer Healthcare e Especialidades Farmacêuticas.

“Com uma forte presença em múltiplos mercados, a STADA está a fortalecer a sua posição como parceiro de referência no mercado dos genéricos e Consumer Healthcare.”, comenta o CEO da STADA, Peter Goldschmidt.

Apesar do ambiente operacional difícil criado pela pandemia, que reduziu as taxas de crescimento em toda a indústria farmacêutica, a STADA reportou um aumento de 16% nas vendas do Grupo, atingindo os 1,465 mil milhões de euros no primeiro semestre de 2020.

CEO da STADA Peter Goldschmidt: “O forte compromisso e empreendedorismo de todos os nossos colaboradores são a base do nosso sucesso. A nossa missão e valores estão a criar uma forte cultura corporativa que sustenta nosso sucesso futuro. Isso ficou evidente nos resultados obtidos no questionário aos colaboradores em todo o mundo, onde se verificaram níveis impressionantes de compromisso: 9 em cada 10 funcionários têm orgulho de trabalhar para a STADA e estão confiantes de que a empresa sairá fortalecida da crise gerada pela pandemia. Contudo, dados os efeitos negativos da pandemia, devemos continuar a mostrar altos níveis de agilidade e compromisso para continuar o nosso trajeto de crescimento”.

A STADA está presente em Portugal com marcas como o Hirudoid, Elmetacin, Nizoral, bem como, o vasto portfólio de medicamentos Genéricos Ciclum, onde a estratégia passará por manter a marca Ciclum, salvaguardando o reconhecimento pelo doente, mas com revisão da política comercial de forma a reforçar a atratividade para a farmácia. Contará ainda, este ano, com a adição das marcas adquiridas à GSK – Mebocaína, Venoruton e Tavégyl – em linha com a estratégia de expansão do seu portfólio. Contabilizando também os vários produtos de desenvolvimento STADA introduzidos no mercado este ano, a STADA irá cumprir o seu plano de mais de 20 novos lançamentos em 2020. Esta aceleração irá fortalecer significativamente a posição da empresa no mercado Português, assumindo-se como parceiro de referência no mercado farmacêutico, alinhado com a estratégia global da companhia.

Envie este conteúdo a outra pessoa