Retinopatia: Mais de 8.500 diabéticos sofrem desta doença em Portugal 0 62

Retinopatia: Mais de 8.500 diabéticos sofrem desta doença em Portugal

30 de Setembro de 2016

Mais de 8.500 pessoas sofrem de retinopatia diabética em Portugal, revelou um primeiro estudo epidemiológico no país sobre esta patologia, que incluiu mais de 52 mil diabéticos.

Até agora, a prevalência em Portugal desta complicação ocular da diabetes baseava-se em estimativas apoiadas nos dados europeus, explicou ao “Público” Marco Dutra, o investigador principal do Retinodiab. O programa avaliou a prevalência da doença em 52.739 pessoas que já tinham o diagnóstico de diabetes do tipo 2 há, pelo menos, cinco anos. O grupo de estudo, que incluiu os especialistas da APDP, realizou um total de 103.102 retinografias entre julho de 2009 e outubro de 2014.

«Globalmente, a retinopatia diabética foi detetada em 8.584 doentes (16,3%)», lê-se nas conclusões do trabalho. «Destes doentes, 5.484 (10,4%) tiveram retinopatia diabética não proliferativa (RDNP) ligeira, 1.457 (2,8%) tiveram RDNP moderada e 672 (1,3%) foram diagnosticados com RDNP grave. Finalmente, 971 doentes (1,8%) tiveram retinopatia diabética proliferativa (RDP), exigindo referenciação urgente para uma consulta da especialidade. Setecentos e trinta e dois doentes (1,4%) foram classificados com maculopatia», conclui ainda o trabalho. «São números esmagadores», reage Marco Dutra.

Segundo dados publicados no final do ano passado pela Sociedade Portuguesa de Oftalmologia, todos os anos mais de 3.000 pessoas ficam cegas de forma irreversível em Portugal devido a esta doença, que se manifesta sobretudo em diabéticos que não têm a doença devidamente controlada.

Envie este conteúdo a outra pessoa