Pfizer, Academia e investigação científica de mãos dadas pela inovação em Portugal 349

A Pfizer assinou protocolos com instituições académicas de investigação científica a nível nacional com o objetivo de que exista uma maior promoção da inovação e também da integração da investigação científica e da medicina na sociedade, de forma a juntar a ciência e as pessoas.

Estas iniciativas surgem no âmbito do projeto Real World Life, em que a Pfizer pretende ligar-se a instituições académicas que tenham nome comprovado na área científica e capacidade para realizar projetos que impactem não só Portugal, como o resto do mundo.

Assim, e de maneira a estabelecer as parcerias, foram realizadas parcerias com a Universidade de Aveiro, Universidade NOVA de Lisboa, Associação Centro de Medicina P5 da Escola de Medicina do Minho, i3S – Instituto de Investigação e Inovação da Universidade do Porto e BIOCANT – Associação de Transferência de Tecnologia.

Dentro destes protocolos está a realização semestral de “think tanks” em que são debatidas necessidades, ideias e inovações, sendo ainda abordadas as ligações entre a Pfizer, as instituições académicas e os centros de investigação.

“Esta colaboração prevê ainda a partilha de informação e de visões sobre o conhecimento e a inovação e a análise de propostas de ideias de estudos vindos da Academia, espelhando um verdadeiro espírito colaborativo entre a Indústria Farmacêutica e estas instituições, constituindo assim um passo importante para o futuro da ciência. O objetivo é o de trazer inovação farmacêutica para Portugal e garantir que os doentes têm acesso às soluções terapêuticas de que necessitam tão cedo quanto possível”, frisa Susana Castro Marques, diretora médica da Pfizer Portugal.

Envie este conteúdo a outra pessoa