APOGEN prevê poupança de 416 milhões até 2020 com medicamentos genéricos e biossimilares 0 84

APOGEN prevê poupança de 416 milhões até 2020 com medicamentos genéricos e biossimilares

 


08 de junho de 2018

«O uso de medicamentos genéricos e biossimilares no Serviço Nacional de Saúde significa uma poupança potencial de 416 milhões de euros entre 2018 e 2020» referiu Paulo Lilaia, presidente da APOGEN, na sessão comemorativa dos 15 anos da associação.

Paulo Lilaia afirmou ainda que nos últimos 15 anos, o SNS poupou 4 mil milhões de euros com o uso deste tipo de medicamentos, sendo que deste valor, 3 mil milhões de euros se referem ao período entre 2011 e 2017.

O presidente da APOGEN há dez anos lembrou que «o uso de medicamentos genéricos e biossomilares permite, para além de uma poupança vital para a sustentabilidade do setor da saúde, o maior acesso de doentes às terapêuticas e a canalização do investimento em medicamentos inovadores que tragam valor terapêutico acrescentado», avançou em comunicado.

Para comemorar os seus 15 anos de atividade, a associação juntou um painel de convidados – Nicolau Santos, António Vaz Carneiro e António Melo Gouveia – para discutir o presente e o futuro dos medicamentos genéricos e biossimilares, num evento que decorreu no Centro Cultural de Belém.

Envie este conteúdo a outra pessoa