Álcool em excesso aumenta risco de cancro junto dos europeus 390

Álcool em excesso aumenta risco de cancro junto dos europeus

 


05 de julho de 2017

O consumo diário de uma a quatro bebidas alcoólicas aumenta em 21% o risco de cancro colorretal. Este foi um alerta deixado pela União Europeia de Gastroenterologia (UEG) depois de concluir que 20% da população europeia com mais de 15 anos bebe em excesso pelo menos uma vez por semana.

Segundo os autores da investigação, o consumo de apenas uma bebida alcoólica por dia aumenta o risco de cancro do esófago, enquanto que o consumo de mais de quatro está relacionado com maior propensão para desenvolver cancro do intestino, pâncreas e fígado, lê-se numa notícia avançada pelo “DN”.

«O consumo de álcool está relacionado com o aumento de várias neoplasias digestivas: fígado, o mais comum; tumores do esófago, muitas vezes associados a outros fatores como o consumo de tabaco; e pâncreas, cuja incidência está a aumentar», reforçou Marília Cravo, médica na rede Hospital da Luz, numa entrevista ao “DN”. Em relação ao cancro colorretal, esta gastroenterologista diz que a ligação não estava tão marcada, pelo que este estudo introduz algumas novidades.

Embora existam cada vez mais evidências científicas dos perigos associados ao consumo de bebidas alcoólicas, a UEG diz, no entanto, que a grande maioria dos europeus desconhece a relação entre o álcool e o cancro, razão pela qual pede mais educação e preços mais responsáveis.

Envie este conteúdo a outra pessoa