Uma viagem pela história dos 100 anos da descoberta da insulina na Sociedade de Geografia de Lisboa 78

Entre os dias 5 e 19 de julho vai ser possível visitar a exposição “Uma Visita à História da Diabetes no Centenário da Descoberta da Insulina” na Sociedade de Geografia de Lisboa (SGL). A cerimónia de inauguração será realizada no dia 8 deste mês, pelas 11 horas, na Sala Algarve.

A sessão conta com a abertura de Luís Aires-Barros, presidente da SGL, e a presença de Manuel Mendes Silva, presidente da secção de História da Medicina da SGL, de Luís Gardete Correia, presidente da Fundação Ernesto Roma e membro da Comissão Executiva das Comemorações do Centenário da Descoberta da Insulina, e de João Filipe Raposo, Diretor Clínico da Associação Protetora dos Diabéticos de Portugal.

“Tem sido um ano repleto de viagens pela história da insulina em todos os pontos do país e queremos chegar ainda a mais pessoas. Este é um tratamento que continua a salvar vidas e todos os portugueses merecem revisitar os marcos desta fantástica mudança desde a criação da insulina”, explica Luís Gardete Correia, acrescentando: “Atualmente, não se trata apenas de evitar que pessoas morram devido à diabetes, trata-se de devolver o controlo sobre a sua própria vida, conseguindo que esta tenha a maior qualidade possível, e isso merece ser celebrado”.

Os visitantes são convidados a descobrir os principais marcos históricos referentes ao tratamento da diabetes até à descoberta da insulina e aplicação da mesma com sucesso pela primeira vez. Isto foi conseguido em 1921 pelos cientistas Frederick Banting e Charles Best, em colaboração com John James Rickard MacLeod e James Collip. A história, no entanto, começa muito antes, em 1500 A.C., no Antigo Egipto, onde já havia referência a uma doença semelhante à diabetes.

A exposição tem percorrido Portugal de norte a sul, tendo iniciado o seu percurso em Lisboa. Pode agora ser visitada de segunda a sexta-feira, das 10 às 13 horas e das 14 às 16:30 horas, na Sociedade de Geografia de Lisboa (Rua Portas de Santo Antão, n.º 100). Para mais informações, consulte www.100anosinsulina.pt.

Envie este conteúdo a outra pessoa