Núcleo de Estudos de Doenças Raras organiza “I Simpósio RARO” 115

O Núcleo de Estudos de Doenças Raras (NEDR) da Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) vai realizar o Primeiro Simpósio RARO – Recent Advances & Rare Overview, no dia 10 de julho, em formato 100 por cento digital.

“Num tempo RARO em que se desenvolvem vacinas em tempo recorde para uma pandemia devastadora e nos encontrámos todos, de alguma forma privados de acesso à inovação noutras áreas que não a do SARS Cov2, sentimos necessidade de iniciar aquilo que pretendemos que seja o primeiro de muitos Simpósios RARO” afirma Luísa Pereira, coordenadora-adjunta do NEDR.

Este evento científico pretende proporcionar a todos os profissionais de saúde, sem distinção, a mais recente evidência na área das doenças raras, com enfoque nas inovações e novidades científicas do ano transato.

“Pretendemos igualmente, e aproveitando aquilo que de positivo aprendemos a utilizar neste momento pandémico, dar uma nova dimensão com o máximo de abrangência de temas, utilizando a enorme projeção e participação que as sessões em formato digital nos trouxeram” conclui Luísa Pereira.

O evento mantém as habituais presenças de palestrantes nacionais e internacionais e vai otimizar também a utilização das novas ferramentas e plataformas digitais.

Sobre a SPMI
A Sociedade Portuguesa de Medicina Interna (SPMI) é uma das maiores sociedades científicas médicas portuguesas, que congrega os internistas, que são a base do Serviço Nacional de Saúde nos hospitais. Um dos seus maiores desígnios é a divulgação do conhecimento, dirigida aos médicos e à população, no campo muito vasto da Medicina Interna. Para além da Medicina Curativa, quer ser também cada vez mais reconhecida no campo da prevenção da doença e promoção da saúde. Para mais informações consulte https://www.spmi.pt/

Envie este conteúdo a outra pessoa