MOVA lança campanha de sensibilização sobre a vacinação antipneumocócica 179

O Movimento Doentes pela Vacinação (MOVA) lançou uma campanha denominada por “Leva-me a sério”, que pretende sensibilizar a população para a importância da vacinação antipneumocócica.

A campanha “reflete a ironia de haver uma doença grave e potencialmente fatal, a pneumonia pneumocócica, que, apesar de ser prevenível através de vacinação, ainda é responsável pela morte de muitas pessoas por ano”, indica o MOVA em comunicado divulgado.

O Movimento pretende com esta campanha alertar sobretudo os grupos de risco, indicando que “pode fazer a diferença entre a vida e a morte”.

Isabel Saraiva, fundadora do MOVA, no comunicado divulgado defende que “a aposta na prevenção sempre foi fundamental, sobretudo entre os grupos de risco, perante o contexto atual” de pandemia de covid-19 “é imperativo” poder “contribuir para a diminuição do recurso aos cuidados de saúde, através da prevenção de doenças pela vacinação”.

O Movimento pretende “mostrar de forma clara que a vacinação pode fazer a diferença entre a vida e a morte, que as vacinas salvam vidas e que protegem as populações para as quais são indicadas”, principalmente numa altura em o país está “prestes a entrar na época percecionada como a de maior incidência de gripe e pneumonia”.

Esta campanha, vai ter como protagonista o humorista Herman José e vai estar presente online, na televisão e num microsite, que vai ser lançado até ao final de novembro.

“Ao longo de cerca de dois meses, a população será impactada através de mensagens gerais, transversais a todos, e através de mensagens especiais, dedicadas a diferentes grupos de risco”, explica a nota divulgada.

Segundo dados do Instituto Nacional de Estatística, a pneumonia foi responsável, em 2018, pela morte de 16 pessoas por dia, totalizando 5,1% de todas as mortes em Portugal.

Envie este conteúdo a outra pessoa