Ministério da Saúde prevê poupar 3,5 ME com tarifário de eletricidade negociado 361

Ministério da Saúde prevê poupar 3,5 ME com tarifário de eletricidade negociado

08-Jan-2014

O Ministério da Saúde prevê poupar este ano 3,5 milhões de euros (ME) com a aquisição centralizada de eletricidade para todas as entidades, incluindo os hospitais EPE.

Em comunicado, o Ministério da Saúde adiantou que o concurso, lançado em novembro do ano passado, permite que «todas as entidades aderentes beneficiem de um tarifário máximo negociado e fixado centralmente, facto que permitirá alcançar em 2014 uma poupança potencial de cerca de 13% na componente da fatura relativa à energia consumida».

A poupança está estimada em 3,5 milhões de euros, passando a Compra Centralizada «de um montante de cerca de 27 ME para um montante de cerca de 23,5 ME». No universo do Ministério da Saúde, registou-se uma adesão de «97% das entidades».

«Através deste procedimento de aquisição centralizada foi colocado a concurso cerca de 400 milhões de KwH/ano, o que conduzirá a que o Ministério da Saúde venha a dispor de um dos principais contratos de fornecimento de eletricidade existentes em Portugal», conclui a nota citada pela “Lusa”.

Envie este conteúdo a outra pessoa