Lucro da Sanofi sobe 6,4% para 3.748 ME no 1.º semestre 304

O grupo farmacêutico Sanofi anunciou um lucro de 3.748 milhões de euros no primeiro semestre, uma subida de 6,4%, graças ao aumento das vendas.

A multinacional com sede em França registou uma faturação de 17.335 milhões de euros (mais 0,6%), com um aumento mais pronunciado no segundo trimestre, de 6,5% para 8.744 milhões de euros.

O resultado operacional dos primeiros seis meses do ano subiu 4,7% para 4.903 milhões de euros e o lucro por ação situou-se nos três euros, um crescimento de 6,8%, afirmou a empresa num comunicado citado pela agência EFE.

O aumento das vendas registou-se em todas as divisões do grupo, mas foi claramente mais acentuado na divisão de cuidados especializados (onde as vendas forma impulsionadas pela subida de 56,6% do medicamento contra a dermatite atópica Dupixent) e nas divisões de oncologia (aumento de 35,4%) e de vacinas (16,2%).

No que respeita a vacinas, a empresa não deu nova informação sobre o estado de desenvolvimento dos seus produtos de imunização contra a covid-19.

A Sanofi está a colaborar com a britânica GSK no desenvolvimento de uma vacina candidata para a covid-19, decorrendo a fase 3 de ensaios com adultos.

Envie este conteúdo a outra pessoa