Infarmed aprova todos os protetores solares analisados este ano 342

De acordo com o divulgado pela Autoridade Nacional do Medicamento e Produtos de Saúde, I.P. (Infarmed), no seu portal, todos os 20 protetores solares analisados este ano foram aprovados, pois cumprem as condições exigidas, tanto quanto aos ingredientes que contêm, como quanto à proteção solar que dizem conferir.

Os produtos analisados foram recolhidos em fevereiro deste ano “em diversos pontos da cadeia de distribuição, nomeadamente, distribuidores e locais de venda ao público como farmácias e supermercados”, indica a Autoridade do Medicamento, no Relatório divulgado.

Foram analisados 13 produtos com fator de proteção solar 50+, seis produtos com fator 30 e um produto com fator 50.

“A presente ação de supervisão incidiu sobre 20 formulações de protetores solares, correspondentes a 140 ensaios realizados”, indicou o “Relatório de análise laboratorial de protetores solares 2020”, do Infarmed.

“Do ponto de vista laboratorial, os 20 produtos analisados apresentaram um fator de proteção solar correspondente à categoria declarada no rótulo”, cumprindo igualmente tanto os parâmetros relativos à qualidade microbiológica como do ponto de vista da rotulagem.

“Na apreciação, houve um especial enfoque na lista de ingredientes, de forma a responder às preocupações de segurança a respeito de determinadas substâncias que se destinam a ser usadas em produtos cosméticos, tais como filtros para radiações ultravioletas”, explica o Infarmed.

“Conclui-se que os 20 protetores solares encontram-se em conformidade no que respeita aos parâmetros analíticos e regulamentares avaliados”, termina o Infarmed por indicar.

Consulte o “Relatório de análise laboratorial de protetores solares 2020”, do Infarmed, aqui.

Envie este conteúdo a outra pessoa