Grandes farmacêuticas mundiais unem-se para produzir vacina do Ébola 0 143

Grandes farmacêuticas mundiais unem-se para produzir vacina do Ébola

23 de outubro de 2014

As maiores farmacêuticas do mundo vão juntar-se para produzir uma vacina contra o Ébola. Espera-se um milhão de doses no ano que vem, noticiou o “DN”.

A companhia farmacêutica Johnson & Johnson disse ontem que vai acelerar os seus trabalhos de produção de uma vacina experimental contra o Ébola, e que já está a colaborar com a britânica GSK.

Espera-se que até maio do próximo ano já estejam disponíveis 250 mil doses da vacina, com um milhão a serem produzidas em 2015.

O chefe de pesquisa da Johnson & Johnson, Paul Stoffels, diz que as duas empresas vão apoiar o trabalho uma da outra e, se isso fizer sentido, combinarão as suas vacinas, por agora a serem desenvolvidas em separado, avançou a “Reuters”.

Embora atualmente não haja ainda vacina para o Ébola, a Johnson & Johnson já vai começar a fazer testes em humanos em janeiro, enquanto a GSK e a NewLink Genetics já estão a fazer testes clínicos.

Envie este conteúdo a outra pessoa