Farmácias aumentam cobertura vacinal para a Gripe 0 211

Com a colaboração inédita das farmácias, o SNS vacinou contra a gripe 40 mil pessoas maiores de 64 anos nos concelhos de Loures e Odivelas, até à data de 31 de dezembro de 2018. Estes dados resultam do projeto-piloto desenvolvido pela Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT) em parceria com as farmácias do concelho.

«Os resultados demonstram que a adesão dos idosos a este projeto-piloto foi positiva e que as respostas de proximidade fazem a diferença no acesso aos cuidados», afirma Luís Pisco, Presidente da ARSLVT num comunicado da ANF.

As farmácias recorreram ao stock de vacinas do SNS, fornecido pela ARSLVT para o projeto-piloto, não cobrando pela administração das vacinas.

Com esta iniciativa, os idosos puderam, pela primeira vez, vacinar-se sem receita médica nas farmácias, em condições de igualdade com os centros de saúde. No ACES Loures-Odivelas, incluindo o projeto, foram vacinadas 40.000, mais 10.000 do que na época anterior, estimam os dados da ARSLVT. A cobertura vacinal deste grupo de risco aumentou 31,8%.

O comunicado relembra os números. Todos os anos morrem, em média, 2.400 portugueses devido à gripe e a doenças que desencadeia. A doença afeta dez por cento da população, causando um milhão de dias de baixa por ano, de acordo com a Federação Portuguesa do Pulmão.

«A vacina é a única forma de evitar ou diminuir os efeitos graves da doença. Para grupos de risco a diferença pode ser entre a vida e a morte», alertou a diretora-geral da Saúde Graça Freitas em entrevista à Revista “Saúda”.

Envie este conteúdo a outra pessoa