Farmacêuticos lusófonos aprovam Carta de Princípios 0 104

Farmacêuticos lusófonos aprovam Carta de Princípios

27 de Março de 2015

A Associação de Farmacêuticos dos Países de Língua Portuguesa (AFPLP) aprovou em Assembleia-geral, uma Carta da Farmácia que define os princípios fundamentais do ato farmacêutico e a promoção do papel das farmácias, segundo informações avançadas em comunicado.

A Associação está reunida no seu XI Congresso em Maputo, Moçambique, durante os dias 26 e 27 de março. O Congresso marca também a passagem de testemunho da presidência, a partir de agora assumida pelo Brasil.

A Carta da Farmácia e dos Farmacêuticos agora subscrita é um passo relevante no fomento das competências da profissão de farmacêutico e uma oportunidade de capacitação, partilha de conhecimento e consequente valorização do papel do farmacêutico e das farmácias.

Valmir Santi, atual vice-presidente do Conselho Federal de Farmácia do Brasil foi eleito novo presidente da AFPL, sucedendo ao moçambicano Lucilo Williams.

A AFPLP é uma associação de carácter profissional e científico, que visa a promoção das ciências farmacêuticas e a defesa dos interesses da profissão farmacêutica em todos os países de língua portuguesa.

Envie este conteúdo a outra pessoa