Epidemia de baixa intensidade na segunda semana do ano 386

Segundo o “Boletim de Vigilância Epidemiológica da Gripe” divulgado divulgado semanalmente pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA), Portugal manteve uma baixa intensidade na semana passada, estando a ser considerada uma época gripal de intensidade moderada.

Na semana de 6 a 12 de janeiro a taxa de incidência do Síndroma Gripal foi de 44,64 por cada 100 mil habitantes, mantendo-se acima da atividade base. A população sob observação foi de 42.567.

Nesta segunda semana do ano, a Rede Portuguesa de Laboratórios para o Diagnóstico da Gripe detetou o vírus da gripe tipo B em 126 casos e do tipo A em 116.

O valor médio da temperatura mínima do ar foi de 2,26ºC, 2,28ºC inferior aos valores normais para o mês de janeiro.

A atividade gripal manteve-se de baixa intensidade em Portugal, contudo com uma tendência crescente na União Europeia.

Envie este conteúdo a outra pessoa