Covid-19: Madeira aplicou 3.196 primeiras doses da vacina em cinco dias 65

O arquipélago da Madeira, administrou 8.831 vacinas contra a covid-19 nos últimos cinco dias, sendo 3.196 relativas a primeiras doses.

“De 19 a 23 de novembro vacinámos 8.831 pessoas e o que acho significativo e importante é que nestes dias 3.196 vacinas administradas foram de primeira dose”, indicou o governante madeirense, Miguel Albuquerque, acrescentando que as “pessoas não vacinadas finalmente foram levar a vacina”.

Para Miguel Albuquerque, “as medidas estão a ter um efeito muito bom apesar de eu ter sido o mau da fita, como sempre”, declarou.

Na passada semana, o Conselho do Governo da Madeira, face ao aumento de casos e doentes hospitalizados devido a infeção por covid-19, decidiu aplicar medidas restritivas de combate à covid-19.

Do conjunto de medidas, constam o uso obrigatório de máscara nos espaços abertos e fechados, a testagem semanal da população e a apresentação, em alguns casos cumulativa, de comprovativo de teste antigénio e vacinação, nomeadamente nos restaurantes.

Miguel Albuquerque indicou que a única maneira que existe, para que o Governo Regional não seja obrigado a “encerrar tudo é garantir que as pessoas que entram têm um teste antigénio que é grátis, válido durante uma semana”.

“Eu não posso voltar a fechar a Madeira. Nós não temos condições para fechar a nossa atividade económica e não há necessidade disso”, sublinhou.

Miguel Albuquerque considerou ser “fundamental que as pessoas cumpram regras básicas e mínimas de civismo, que é fazerem os testes e se vacinarem, contribuindo para haver um controle das cadeias de infeções, proteger os mais vulneráveis e também os que não levam vacinas”.

Envie este conteúdo a outra pessoa