Morreu o médico Ricardo Seabra Gomes, pioneiro na medicina coronária 0 446

O cardiologista Ricardo Seabra Gomes, responsável pela primeira angioplastia coronária em Portugal, morreu hoje, anunciou a Sociedade Portuguesa de Cardiologia.

«A cardiologia de intervenção ficou mais pobre», afirmou a Sociedade, manifestando pesar pela morte de um dos nomes de referência nesta área a nível nacional.

Seabra Gomes foi responsável pela realização da primeira angioplastia coronária em Portugal, que celebrou este ano 41 anos.

«Realizada em 1977 pelo médico Andreas Gruentzig, em Zurique, em Portugal o médico pioneiro foi Ricardo Seabra Gomes, que, em 1984, fez a primeira angioplastia, o que foi considerado uma verdadeira revolução na medicina», lê-se na nota de pesar emitida pela Sociedade, citada pela agência “Lusa”.

Ricardo Seabra Gomes foi coordenador nacional para as Doenças Cardiovasculares (2005-2008) e diretor do Departamento de Cardiologia do Hospital Santa Cruz (1984-2005).

Entre 1973 e 1978, foi investigador no National Heart Hospital e Cardiothoracic Institute, em Londres, e presidiu à Sociedade Portuguesa de Cardiologia entre 2001 e 2003.

Foi autor ou coautor de mais de 500 artigos científicos e teve quase 1.200 resumos publicados.

Envie este conteúdo a outra pessoa