Fundação Bial lança novo prémio para descobertas na biomedicina 0 364

A Fundação Bial vai lançar em 2019 a 1.ª edição do prémio bianual BIAL Award in Biomedicine, no valor de 300 mil premiar descobertas científicas na área da biomedicina, anunciou o organismo em comunicado.

Para Fernando Lopes da Silva, presidente do júri deste prémio, «este novo e singular prémio vai distinguir o que de mais notável está a ser feito na área biomédica. Os membros do júri vão ter uma tarefa muito desafiante e estão muito motivados para começar a analisar trabalhos. Premiar as descobertas mais notáveis e relevantes em biomedicina vai ser sem dúvida muito estimulante».

Com um valor e 300 mil euros, de acordo com a nota enviada, este prémio tem como finalidade estimular as tendências atuais da saúde, que preconizam a ligação entre biologia, genética e medicina, em relação a fatores ambientais, bem como a personalização de tratamentos e estratégias terapêuticas.

As nomeações podem ser feitas a partir de 01 de janeiro de 2019 e prolongam-se até 30 de junho de 2019, sendo que o vencedor da primeira edição será conhecido no primeiro trimestre de 2020.

O BIAL Award in Biomedicine tem o Alto Patrocínio do Presidente da República, do Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas e da European Medical Association.

Luís Portela, presidente da Bial refere que este prémio resume o compromisso da Bial no reconhecimento e promoção da investigação científica publicada nos últimos anos.

O júri vai ser composto por 14 elementos e presidido por Fernando Lopes da Silva, professor emérito da Universidade de Amesterdão (Holanda) e coordenador científico do programa de Engenharia Biomédica do Instituto Superior Técnico.

Envie este conteúdo a outra pessoa