Covid-19: Sanofi e GSK selecionadas ​​para fornecer 100 milhões de doses da vacina aos EUA 294

A Sanofi e a GSK anunciaram um acordo com o governo dos EUA, para acelerar o desenvolvimento e a fabricação de uma vacina à base de proteína recombinante contra a covid-19.

O candidato a vacina, desenvolvido pela Sanofi em parceria com a GSK, baseia-se na tecnologia recombinante baseada em proteínas usada pela Sanofi para produzir uma vacina contra influenza e na tecnologia adjuvante pandémica estabelecida pela GSK.

O governo dos EUA irá financiar em 2,1 bilhões de dólares, mais da metade dos quais apoiará o desenvolvimento da vacina, incluindo ensaios clínicos, sendo o restante usado para aumentar a produção e fornecer uma quantidade inicial de 100 milhões de doses da vacina.

Este apoio da parte dos Estados unidos, inclui-se na Operação Warp Speed, de fornecer milhões de doses de uma vacina covid-19, segura e eficaz.

A Sanofi espera que um estudo de Fase 1/2 comece em setembro, seguido por um estudo de Fase 3 até o final de 2020. Se os dados forem positivos, as empresas podem solicitar US aprovação regulatória na primeira metade de 2021.

Ao mesmo tempo, a Sanofi e a GSK estão a aumentar a fabricação do antígeno e adjuvante para produzir até um bilhão de doses por ano em todo o mundo.

Para além dos Estados Unidos, a Sanofi e a GSK estão em negociações com a Comissão Europeia, para garantir o acesso a uma nova vacina contra o coronavírus, na Europa.

Envie este conteúdo a outra pessoa