Covid-19: Bruxelas assina contrato para UE ter até 250 milhões de doses de vacinas da Hipra 255

A Comissão Europeia assinou esta terça-feira um contrato com a farmacêutica espanhola Hipra para o rápido fornecimento à União Europeia (UE), no outono, até 250 milhões de doses de vacinas anticovid-19, quando este fármaco tiver aval do regulador comunitário.

Em comunicado citado pela Lusa, o executivo comunitário informa que a Autoridade de Preparação e Resposta a Emergências Sanitárias (HERA) da Comissão Europeia “assinou um contrato-quadro de contratação pública conjunta com a empresa Hipra para o fornecimento de uma vacina à base de proteína contra a covid-19”.

Bruxelas refere, sem especificar, que 14 Estados-membros e países parceiros participam nesta contratação pública conjunta, “ao abrigo da qual podem adquirir até 250 milhões de doses” de vacinas.

“Uma vez que o número de casos está novamente a aumentar na Europa, este acordo disponibilizará rapidamente a vacina Hipra aos países participantes, logo que esta tenha sido objeto de uma avaliação positiva pela Agência Europeia de Medicamentos [EMA]”, que já aprovou ensaios clínicos, adianta a instituição.

Num comunicado divulgado em março passado, o regulador da UE indicou que o seu comité de medicamentos humanos iniciou uma análise contínua da vacina anticovid-19 da Hipra, que se trata de um reforço para adultos (maiores de 16 anos) que já foram totalmente vacinados com um outro fármaco.

A EMA justificou que a decisão de iniciar esta revisão contínua se baseou “em resultados preliminares de estudos laboratoriais – dados não clínicos – e estudos clínicos em adultos”, que “compararam a resposta imunológica à vacina – medida pelo nível de anticorpos contra o SARS-CoV-2 – com a verificada com a vacina contra o mRNA Comirnaty” e que a demonstraram como “eficaz”, incluindo face a variantes de preocupação como a Ómicron.

Este novo contrato complementa uma vasta carteira de vacinas da UE, da qual fazem parte os contratos já assinados com as empresas AstraZeneca, Sanofi-GSK, Janssen, BioNtech/Pfizer, Moderna, Novavax e Valneva.

Ao todo, de acordo com dados de Bruxelas, foram asseguradas cerca de 4,2 mil milhões de doses ao abrigo da estratégia da UE em matéria de vacinas.

“Esta carteira diversificada de vacinas fará com que a Europa continue a estar bem preparada para a vacinação contra a covid-19”, adianta o executivo comunitário, lembrando que “os países participantes poderão doar vacinas a países com rendimentos baixos e médios ou redirecioná-las para outros países europeus”.

A vacina da Hipra é armazenada a uma temperatura de refrigeração entre dois a oito graus centígrados, facilitando o armazenamento e a distribuição na Europa e a nível mundial.

Envie este conteúdo a outra pessoa