Comparticipação de medicamento para deixar de fumar custará 1,3 milhões 307

Comparticipação de medicamento para deixar de fumar custará 1,3 milhões

04 de janeiro de 2017

O INFARMED revelou que a comparticipação do medicamento Champix, para deixar de fumar, em vigor desde o dia 1 de janeiro, deverá custar 1,3 milhões de euros por ano.

Até ao final do ano deverão ser criadas 42 novas consultas de cessação tabágica a nível nacional, com o objetivo de garantir pelo menos uma consulta aberta de cessação tabágica por Agrupamento de Centro de Saúde (ACES), avançou a “Lusa”.

Em 2016 foram criadas 145 consultas abertas para cessação tabágica, a que se somarão as 42 deste ano, perfazendo um total de 187 consultas.

Deverão ainda ser desenvolvidas ações de formação dirigidas em particular aos profissionais de saúde, para melhorar a resposta em matéria de prevenção e tratamento do tabagismo.

Envie este conteúdo a outra pessoa