Comissão Europeia autoriza entrada de vacina para o Ébola no mercado 0 119

A Comissão Europeia concedeu à Merck Sharp & Dohme B.V. autorização de introdução no mercado de uma vacina contra o Ébola, designada Ervebo, na sequência de uma recomendação da Agência Europeia de Medicamentos (EMA, na sigla inglesa).

A recomendação positiva por parte da EMA ocorreu em 17 de outubro, depois de avaliados os benefícios e os riscos, tendo Bruxelas dado o seu aval agora.

A vacina estava em desenvolvimento desde o surto de Ébola na África Ocidental em 2014, contudo foi utilizada para proteger as pessoas em risco de infeção, como os profissionais de saúde ou aqueles que têm sido expostos a pessoas infetadas, de acordo com um protocolo específico acordado durante este período.

O ensaio clínico de um segundo regime de vacinas está a decorrer na República Democrática do Congo neste momento, com financiamento do programa de investigação e inovação da UE Horizonte 2020, que também apoiou o desenvolvimento da vacina Ervedo.

Envie este conteúdo a outra pessoa