Notícias / Farmácia

Prémios Almofariz 2018: A distinção de todo um setor

 


09 de junho de 2018

Os diretores técnicos das duas farmácias que arderam nos incêndios de outubro, Hugo Faustino Ângelo, da Farmácia Lajeosa (Lajeosa do Dão), e Isabel Amaral Coelho, da Farmácia Central (Melo - Gouveia), foram distinguidos com o Prémio Figura do Ano, ontem, na cerimónia de entrega dos Prémios Almofariz, perante uma plateia que os aplaudiu de pé.

A redação da revista FARMÁCIA DISTRIBUIÇÃO escolheu distinguir todo o setor farmacêutico, devido ao apoio prestado pelas farmácias durante os incêndios que atingiram o país no ano passado, atribuindo o prémio aos dois farmacêuticos que “abriram portas” em espaços improvisados, no dia a seguir às suas farmácias terem sido destruídas pelas chamas.

«O prémio não é nosso, é de todos vós», realçou Hugo Faustino Ângelo, após ter agradecido o apoio da Associação Nacional das Farmácias, Ordem dos Farmacêuticos, INFARMED, autarquias e de muitos outros organismos, na recuperação da sua farmácia. «Perante a adversidade fizemos o que qualquer um faria - servir a população», concluiu.

Visivelmente emocionada, Isabel Amaral Coelho agradeceu «de coração e com toda a humildade» o prémio que lhe foi entregue pelas mãos do diretor-geral da Hollyfar. «Só a unidade de um setor permitiu não baixar os braços e responder à comunidade que nos pedia para não a deixarmos naquele momento», rematou.

Nesta noite de gala, que decorreu no Casino Estoril, a ADIFA, Associação de Distribuidores Farmacêuticos, recebeu o Almofariz para melhor Projeto e a Farmácia Central do Cacém foi premiada com o Almofariz Farmácia do Ano by Perrigo 2018.

Nesta edição, pela primeira vez, foi atribuído o Prémio Farmácia Hospitalar do Ano. Este foi entregue aos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Cova da Beira.

A cerimónia dos “óscares” da Farmácia teve início com a atribuição do prémio Anúncio Profissional do Ano, escolhido por um júri nomeado pela revista FARMÁCIA DISTRIBUIÇÃO. O anúncio Gama Vibrocil, da GSK Consumer Healthcare e da agência Fresh Design, foi o vencedor da noite nesta categoria. Hugo Luz, brand manager Vibrocil na GSK Consumer Healthcare, recebeu o prémio e agradeceu a distinção, realçando a satisfação de poder pisar o palco de um evento tão «simbólico» para o setor.

Votação das farmácias

O Almofariz Produto do Ano abriu o segmento de prémios atribuídos com base na votação das farmácias. A gama Grintuss da Phytoderm/Aboca recebeu este galardão, na pessoa de Margarida Saúde, diretora técnica da Phytoderm. A vencedora revelou estar muito orgulhosa pela atribuição do prémio e dirigiu os seus agradecimentos às farmácias, aos médicos e à revista FARMÁCIA DISTRIBUIÇÃO.

Seguiu-se a revelação do Prémio Laboratório do Ano, que nesta edição foi entregue à GSK. Mandy Hennebry, country manager Portugal da GSK Consumer Healthcare, subiu ao palco e revelou sentir-se honrada, ela e a equipa, que «trabalha afincadamente todos os dias para que os consumidores possam aceder aos melhores produtos».

Na categoria Produto de Dermocosmética do Ano, o grande vencedor foi o Vichy Minéral 89 da Cosmética Activa Portugal. Este laboratório estava também nomeado com outros dois produtos nessa mesma categoria.
«É um momento histórico, de enorme orgulho, pela primeira vez em 24 anos de Prémios Almofariz termos recebido as três nomeações», disse Jorge Sucena, group product manager da Vichy, que agradeceu todo o trabalho desenvolvido pelos laboratórios.

O último prémio decidido pelas farmácias foi o de MNSRM do Ano. O Voltaren Emulgelex da GSK Consumer Healthcare foi o grande vencedor nesta categoria. Joana Leitão, brand manager Voltaren na GSK Consumer Healthcare, agradeceu e explicou que a distinção vem «reforçar a nossa missão de criar produtos inovadores».

Nova categoria: Distinção de mais farmácias

A grande novidade desta edição foi a atribuição de mais um galardão – o Prémio Farmácia Hospitalar do Ano. Este foi atribuído aos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Cova da Beira, depois de António Melo Gouveia (presidente do Colégio de Especialidade em Farmácia Hospitalar da OF) e de Catarina da Luz Oliveira (presidente da APFH) terem justificado a escolha do Conselho Consultivo.

O prémio foi entregue a Maria Olímpia Fonseca, diretora dos Serviços Farmacêuticos do Centro Hospitalar Cova da Beira, que agradeceu em nome de toda a equipa. «É uma honra e prestígio ficar associada aos Prémios Almofariz 2018 e um orgulho ser farmacêutica hospitalar», revelou.

Na categoria Farmácia do Ano by Perrigo 2018, a vencedora da noite foi a Farmácia Central do Cacém. Luís Lourenço, proprietário e diretor técnico da Farmácia, dirigiu as suas palavras ao júri que os elegeu vencedores, agradecendo a confiança depositada. Também parabenizou as restantes farmácias nomeadas, realçando que todas «mostram a força das Farmácias em Portugal».

Na entrega do Almofariz para o Projeto, Diogo Gouveia, presidente da ADIFA, recebeu o galardão que distinguiu a Associação de Distribuidores Farmacêuticos, criada em 2017. «Mais do que um projeto, queremos ser uma realidade interventiva e inovadora», explicou, após agradecer a todos os associados e parceiros.

As celebrações dos Prémios Almofariz 2018 estenderam-se pela noite dentro. Após a entrega dos prémios, os convidados marcaram presença numa festa, animada pela DJ Cláudia Arauz e os seus clássicos dos anos 80.

Criados pela revista FARMÁCIA DISTRIBUIÇÃO em 1995, os Prémios Almofariz contam, na sua edição de 2018, com o patrocínio da Unidade Pharma da Rangel, bem como com o apoio da IQVIA, Casino Estoril e Ray Gun.

A revista MARKETING FARMACÊUTICO, o Portal Netfarma e a Newsletter Farmanews são media partners deste evento.