Notícias / Indústria

Johnson & Johnson: Vacina contra o VIH começa a ser testada em África

 


05 de dezembro de 2017

A combinação de duas vacinas contra o VIH, desenvolvidas pela Johnson & Johnson em parceria com os Institutos Nacionais de Saúde dos EUA e a Fundação Bill & Melinda Gates, vai começar a ser testada na região da África Austral.

De acordo com informação avançada pela agência “Reuters”, pela primeira vez, mais de 10 anos depois, existem dois grandes ensaios de vacinas contra o VIH a decorrer em simultâneo. A primeira vacina, apoiada pelos Institutos Nacionais de Saúde dos EUA, começou a ser testada em novembro.

«Estamos a fazer progressos» disse o chief scientific officer da J&J, Paul Stoffels, que acredita ser possível alcançar uma eficácia superior a 50%.

Neste estudo, 2.600 mulheres sexualmente ativas da África do Sul, Malawi, Moçambique, Zâmbia e Zimbabué vão receber a vacina experimental ou um placebo. Após a administração dos tratamentos, estas serão acompanhadas durante três anos, com o intuito de se perceber se a vacina é eficaz na prevenção da doença.